O prazo médio ponderado dos Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI) emitidos no primeiro trimestre de 2017 indica um encurtamento de vencimentos destes títulos em comparação com os CRI emitidos no trimestre imediatamente anterior. O prazo médio, ponderado pelo montante emitido, de CRI atingiu 98 meses em 2017 – pouco mais de oito anos, enquanto no período anterior este indicador havia alcançado 206 meses. Em especial, o encurtamento do prazo médio dos CRI de 2017 se operou durante março, mês de maior volume de emissões no ano, tendo sido estas preponderantemente de prazo mais curto.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Mais Lidos