Duas securitizadoras somam mais de 50% do montante de CRA emitido em 2019

Como já mencionado em outros artigos publicados no TLON, o último ano marcou a retomada do crescimento do montante e do número de operações emitidas de CRA. Entre as Securitizadoras do Agronegócio, destacaram-se, por mais um ano, a Vert e a EcoSec. 

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Mercado de CRA já registra dez diferentes segmentos do agronegócio

O ano de 2019 marcou a inauguração de dois novos segmentos do agronegócio abrangidos pelo mercado de CRA: Tabaco e Serviços Técnicos. Embora exista até o momento apenas uma operação para cada um desses dois segmentos, essa expansão, a um só tempo, marca a progressiva consolidação do CRA como meio de financiamento de variados setores do agronegócio e sinaliza o potencial de crescimento futuro desse mercado. Contudo, dentre os segmentos do agronegócio aos quais os lastros dos CRA estão associados, Sucroenergético mantém seu destaque sob a ótica do montante emitido. 

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

2019 ainda teve menos de R$ 2 bi em CRA de lastro pulverizado

Por mais um ano, parcela importante dos R$ 12,31 bilhões emitidos em CRA em 2019 se concentrou nas operações de lastro corporativo. Isso se constata a partir da observação de três indicadores distintos: tipos de documentos que predominam como lastro dos títulos, risco de crédito das operações e o tipo de devedor do lastro dos CRA.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Emissões de CRA crescem em 2019; investidor PF aumenta participação

O mercado primário de Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA) encerrou o ano de 2019 com amplo crescimento, tanto em montante emitido, quanto em número de operações, se recuperando assim do movimento de baixa observado no ano anterior. Enquanto o montante alcançou R$ 11,8 bilhões, o número de operações subiu para 58 e chegou ao seu maior nível histórico em base anual. Mantendo o comportamento histórico do segmento, o investidor Pessoa Física continua sendo o de maior participação em aquisição destes títulos, tendo adquirido aproximadamente 70% do montante emitido em 2019.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

CRA indexados ao IPCA ganham espaço no mercado

Antes dominado amplamente por emissões atreladas à Taxa DI, o mercado de Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA) observa alguma mudança ao longo dos últimos meses, com operações indexadas ao IPCA ganhando espaço. Em um cenário de Selic em queda os investidores deste segmento parecem estar cada vez mais direcionando seu interesse por títulos deste tipo que sejam indexados à inflação. Em 2019 já foram emitidos mais de R$ 2,00 bilhões de CRA com indexação ao IPCA, montante que está próximo dos 40% do total emitido no mercado neste ano. Em termos absolutos, trata-se do maior nível histórico, em base anual, de emissões de CRA deste tipo, já superando todo o montante emitido com este indexador nos últimos dois anos.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Fitch avalia mais um CRA da JBS

A agência de classificação de risco Fitch comunicou na última quarta-feira que atribuiu a nota de crédito ‘AA+’ à 1ª e à 2ª segunda séries da 5ª emissão de Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA) da RB Capital Companhia de Securitização. De forma conjunta, os CRA perfazem a cifra inicial total de R$ 600,0 milhões.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Nova MP permite emissão de CPR com correção pela variação cambial

O governo federal assinou ontem a Medida Provisória (MP) 897-2019, que pode impactar de maneira considerável o mercado de Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA). Com a MP agora ficam permitidas as emissões de Cédulas do Produto Rural (CPR) com liquidação financeira que tenham cláusula de correção pela variação cambial. Desde 2016 a legislação brasileira já permitia a emissão de CRA e Certificados de Direitos Creditórios do Agronegócio (CDCA) com cláusula de correção pela variação cambial, mas as CPR, que integram o lastro de alguns destes títulos, ainda não contavam com tal permissão.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

CRA com risco Quatá será emitido pela True

Uma emissão de Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA), em montante inicial de até R$ 700,0 milhões, está próxima de ser realizada pela True. Os títulos, que serão lastreados em uma Cédula de Produto Rural Financeira (CPR-F) emitida pela Açucareira Quatá (Quatá), foram avaliados em ‘A-’ pela Fitch na última quinta-feira.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

EcoSec emitirá CRA de R$ 400 mi

Hoje foi disponibilizado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) o prospecto preliminar de uma nova operação de Certificado de Recebíveis do Agronegócio (CRA) a ser realizada pela EcoSec. A emissão será formada pela 1ª e pela 2ª série da 18ª emissão da securitizadora, perfazendo uma cifra de R$ 400,0 milhões.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

CRA da RB Capital somando R$ 750 mi estão no radar

Como já é de conhecimento do leitor do TLON, o mercado primário de Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA) tem sido composto principalmente por emissões com risco de crédito concentrado, em muitos casos com lastro em debêntures emitidas por grandes empresas do setor do agronegócio. Duas novas operações da RB Capital Companhia de Securitização (RB Capital) servem para exemplificar tal dinâmica.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Rankings
Mais Lidos