Nesta semana, o mercado revelou mais casos de CRI cujo planejamento original de pagamento para a operação tende a não ser cumprido, em decorrência das adversidades socioeconômicas trazidas pela pandemia de COVID-19. Desta vez, a securitizadora emissora dos papéis é a Infrasec, que via fato relevante comunicou que a devedora de sua primeira e segunda emissão de CRI alegava problemas.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Rankings
Mais Recentes