A Moody's rebaixou a classificação de risco das seguintes séries de Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI): 3ª série da 1ª Emissão da RB Capital Securitizadora, 4ª série da 1ª Emissão de CRI da RB Capital Securitizadora, 42ª série da 1ª Emissão da RB Capital Securitizadora e 31ª série da 1ª Emissão da RB Capital Companhia de Securitização. Todos os títulos tiveram suas notas rebaixadas de Aaa.br para Aa1.br e  colocadas em revisão para rebaixamento adicional. A ação segue a ação feita pela agência que rebaixou a nota da Petrobras, devedora dos contratos que lastreiam os CRI, em 29 de janeiro de 2015. As 3ª e 4ª séries da 1ª emissão, emitidas em montantes de R$ 100,2 milhões e R$ 99,6 milhões, respectivamente, possuem remunerações equivalentes a 94,0% e 94,5% da taxa DI. Ambas as séries possuem prazo de 11 anos e foram emitidas em março de 2007. A 42ª série da 1ª emissão, emitida em montante de R$ 250,0 milhões, possui remuneração equivalente a TR + 9,6% a.a. Esta série foi emitida em dezembro de 2009 e possui prazo de 8 anos. Por fim, a 31ª série da 1ª emissão, emitida em montante de R$ 200,0 milhões, possui remuneração equivalente a IGPM + 8,45% a.a. Esta série foi emitida em agosto de 2005 e possui prazo de dez anos. 

Rankings
Mais Recentes