No primeiro trimestre de 2014 o montante emitido em Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI) alcançou a marca histórica de R$ 4,96 bilhões, superando em 12,0% o recorde anterior de R$ 4,43 bilhões estabelecido no primeiro trimestre de 2011. Contudo, em relação ao número de operações de CRI, foram realizadas 19 nesse ano até março, significativamente abaixo das 41 operações concretizadas no mesmo período de 2011.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Rankings
Mais Lidos