Recentemente, a Gaia Agro emitiu a primeira série da segunda emissão de CRI em montante de R$ 23,9 milhões. A operação é lastreada em uma CCI representativa de 80,15% dos créditos locatícios a serem originados a partir de um contrato de locação atípico entre o FII Golden (cedente) e a Suzano Papel e Celulose (devedora), constituindo uma operação“Build-to-Suit”. Os 79 títulos emitidos têm um prazo de 138 meses e remuneração atrelada ao IPCA com acréscimo de juros de 5,85% a.a.. Além disso, a operação conta com o regime fiduciário, sendo a Pentágono o agente fiduciário, a alienação fiduciária dos imóveis dados como garantia pela QRE Empreendimentos Imobiliários, a cessão fiduciária dos créditos locatícios gerados da locação dos "imóveis garantia", um fundo de despesa e a fiança por parte da Newco Two do Brasil Participações.
Rankings
Mais Lidos