A ISEC Securitizadora comunicou que, em 12 de dezembro, adquiriu 100% das ações da SCCI. O comunicado se deu por Fato Relevante, em que a ISEC informa ter celebrado contrato de compra e venda e outras avenças com a Certificadora de Créditos Imobiliários e Participações Ltda. e com os Srs. Maurício da Costa Ribeiro e Rodrigo Boccanera Gomes, para compra da totalidade das ações ordinárias nominativas da SCCI. Segundo o documento, pela aquisição das ações foi pago o preço total de R$ 1,00, mediante operação privada, conforme o contrato citado, do qual também consta que as atividades relacionadas à administração dos recebíveis, lastro das emissões, assim como o controle das garantias, continuará a ser realizado pela Certificadora, a título de prestação de serviços. É informado que a ISEC não firmou acordos ou contratos que regulem o direito de voto ou a compra e venda de valores mobiliários de emissão da SCCI, e que não há intenção de promover o cancelamento do registro de companhia aberta da mesma junto à CVM.  O documento reitera que as ações da SCCI são, portanto, cedidas e transferidas à ISEC, e o estatuto social da adquirida será modificado para refletir as alterações decorrentes da compra e venda de ações, bem como a substituição do Diretor de Relações com os Investidores. A aquisição da SCCI pela ISEC é mais um passo no que se supõe um movimento de consolidação inicial do mercado de securitizadoras imobiliárias, tendo em vista que em 20 de setembro de 2016 a ISEC já havia informado o mercado sobre a compra de 100% da Novasec. Em paralelo, a RB Capital Companhia de Securitização divulgou, em 17 de novembro de 2016, que seu controle havia sido comprado pela ORIX, companhia de serviços financeiros originária do Japão.

Rankings
Mais Lidos