Findos os primeiros quatro meses do ano de 2017, o mercado de Fundos de Investimentos em Direitos Creditórios (FIDC) apresenta captação líquida acumulada no ano negativa em R$ 2,27 bilhões. A captação líquida resulta da diferença entre os montantes de emissões e de amortizações² de cotas de FIDC. Mesmo no segmento dos FIDC Não Padronizados (NP), que tem sustentado a expansão do mercado consolidado, a captação líquida no primeiro quadrimestre do ano também se provou negativa, em R$ 1,29 bilhão. Com o impacto da captação líquida negativa no mercado de FIDC, o Patrimônio Líquido (PL) consolidado da indústria também se viu reduzido no período.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Rankings
Mais Lidos