A S&P atribuiu a classificação de risco preliminar 'brCCC (sf)' à 1ª série de cotas sênior, a serem emitidas pelo FIDC Multisetorial Brickell, em montante de R$ 21,0 milhões. As cotas sênior contam com proteção de cotas subordinadas e subordinadas mezanino, em montante de R$ 7,5 milhões e R$ 1,5 milhão, respectivamente. A carteira de direitos creditórios do FIDC deverá ser composta por empréstimos cedidos a pequenas e médias empresas representados por CCB ou CCE. Os empréstimos serão originados pela Brickell S.A.. As cotas sênior do fundo terão uma meta de rentabilidade equivalente à 120,0% da taxa DI. Segundo a agência, a qualidade de crédito dos devedores do fundo, que é desconhecida, é o vínculo mais fraco da transação, o que se refletiu na classificação atribuída.
Rankings
Mais Lidos