O valor agregado de Patrimônio Líquido (PL) do setor de FIDC, que estava em R$49,10 bilhões em maio, encerrou o mês de junho com R$ 50,03 bilhões, o que constitui um crescimento de 1,9%, sendo estes recursos detidos por 321 fundos - em maio o setor possuía 317 fundos. No final do mês de dezembro de 2010, o valor total do PL era de R$43,76 bilhões, e, portanto ocorreu um crescimento de 14,3% desde então.

O valor agregado de Direitos Creditórios (DC), que estava em R$42,64 bilhões em maio, encerrou o mês de junho com R$ 43,74 bilhões, o que constitui um crescimento de 2,6%,. No final do mês de dezembro de 2010, o valor total de DC era de R$36,05 bilhões, e, portanto ocorreu um crescimento de 21,3% desde então, sendo que este índice só apresentou queda mensal - da ordem de 3,4% - no mês de fevereiro.

O montante consolidado de Provisão para Devedores Duvidosos (PDD), que estava em R$ 2,40 bilhões no final de maio, terminou o mês de junho com o valor de R$ 2,52 bilhões, o que constitui um crescimento de 4,9%. No final do mês de dezembro de 2010, o valor total do PDD era de R$ 2,05 bilhões, e, portanto ocorreu um crescimento de 22,8% desde então.

O nível de Atrasos, que estava em R$ 3,12 bilhões no final de maio, terminou o mês de junho com o valor de R$ 3,17 bilhões, o que constitui um crescimento de 1,68% com relação ao mês anterior. No final do mês de dezembro de 2010, o valor total deste índice era de R$3,02 bilhões, e, portanto ocorreu um crescimento de 5,1% desde então. Como afirmado em artigo anterior (Indústria de FIDC registra aumento de Atrasos e PDD), este índice tem se mantido em trajetória ascendente desde fevereiro deste ano.

Como de costume, todas estas cifras relativas ao setor consolidado excluem o FIDC NP Sistema Petrobras.

Em termos percentuais, o índice de PDD sobre Atrasos aumentou de 77,2%, em maio, para 79,6% no final de junho, o que constitui um crescimento de 3,1% do índice. Em dezembro de 2010 este valor era de 68,1%. O aumento do índice em pontos percentuais pode indicar uma tendência mais pro-ativa por parte de alguns administradores de FIDC, que estariam aumentando a alocação de PDD em antecipação de um possível aumento futuro de Atrasos.

Já a razão de PDD sobre DC, que estava em 5,6% em maio, fechou o mês de junho em 5,8%, o que equivale a um aumento de 2,3% na comparação mensal. Este fato se deu depois do índice ter apresentado uma queda de 8,0% em abril, seguida de um aumento de 15,0% em maio. Em dezembro de 2010 este valor era de 5,7%.

Rankings
Mais Lidos