A Liberum rebaixou de BBB(fe) para B(fe) a classificação de risco da 3ª e da 4º série de cotas sênior do FIDC Multisetorial Lego LP. O fundo é constituído sob a forma de condomínio fechado, com prazo de duração indeterminado. Os direitos de crédito são individualmente representados por duplicatas ou cheques pré‐datados, decorrentes de operações realizadas nos segmentos comercial, industrial, financeiro e de prestação de serviços, de acordo com a atividade específica de cada um dos cedentes. O rebaixamento está relacionado à forte piora da qualidade de crédito da carteira, refletindo-se no aumento dos índices de créditos vencidos, no aumento de provisão, na desvalorização das cotas subordinadas e, consequentemente, na diminuição da proteção proporcionada por elas. Segundo a agência, o risco de crédito para as cotas sênior é considerado muito elevado. Nos últimos meses o montante de créditos em atraso apresentou sucessivos aumentos, passando de 20,7%, em fev/15, para 35,9%, em mar/15, e encerrando abril representando 62,8% do PL. O valor da cota subordinada sofreu severa desvalorização em virtude de rentabilidade negativa, de -13,25% em mar/15 e de -43,12% em abr/15. Consequentemente, a participação desta classe no PL do fundo diminuiu de forma drástica, de 33% no final de março para 21,7% no final de abril. Maiores informações no artigo publicado no portal TLON “Consultor outorga garantias para evitar liquidação de FIDC”.

Rankings
Mais Lidos