Pregão BM&FBOVESPA (FII) - 9/Set/15 - Rentabilidade

No pregão de 9 de setembro 76 diferentes cotas de Fundos de Investimento Imobiliário foram negociadas na BM&FBOVESPA, das quais 19 apresentaram valorização de preço, 45 apresentaram desvalorização, 4 não tiveram alteração e 8 não haviam sido negociadas no pregão anterior. Segue as três melhores e as três piores variações de preço no dia, acompanhadas dos respectivos preços médios, volumes negociados e números de negócios.

Melhores Variações

FII Ticker Variação (%) Preço (R$) Montante (R$) Nº Negócios
Industrial do Brasil FIIB11 4,20 256,15 10.502 2
Castello Branco Office Park CBOP11 3,38 639,90 1.920 1
Grand Plaza Shopping ABCP11 1,82 10,09 2.018 5

Piores Variações

FII Ticker Variação (%) Preço (R$) Montante (R$) Nº Negócios
BTG Pactual Fundo de Fundos BCFF11B -2,76 65,10 124.544 37
Floripa Shopping FLRP11B -3,42 615,00 4.920 1
BM Brascan Lajes Corporativas BMLC11B -4,00 83,50 10.521 5

Pregão BM&FBOVESPA (FII) - 9/Set/15 - Liquidez

No pregão de 9 de setembro 76 diferentes cotas de Fundos de Investimento Imobiliário foram negociadas na BM&FBOVESPA. Foram 4.761 negócios que totalizaram R$ 12,5 milhões. A cota com maior montante negociado e maior número de negócios foi a do FII BB Progressivo II (BBPO11), com R$ 2,7 milhões em 1.152 negócios.

Ritmo mensal cai, mas FII permanece valorizado no acumulado de 2015

Em agosto de 2015 a variação média¹ dos preços das 79 cotas dos Fundos de Investimento Imobiliário (FII) negociadas no mercado secundário da BM&FBOVESPA registrou desvalorização mensal de 2,1%. Mesmo assim, no acumulado do ano a variação média dos preços das cotas de FII segue em campo positivo, em 0,1%. Tal resultado marginalmente positivo é reflexo do bom desempenho acumulado visto a partir do segundo trimestre do ano, a despeito do arrefecimento deste ritmo desde julho.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Pregão BM&FBOVESPA (FII) - 8/Set/15 - Rentabilidade

No pregão de 8 de setembro 74 diferentes cotas de Fundos de Investimento Imobiliário foram negociadas na BM&FBOVESPA, das quais 36 apresentaram valorização de preço, 25 apresentaram desvalorização, 2 não tiveram alteração e 11 não haviam sido negociadas no pregão anterior. Segue as três melhores e as três piores variações de preço no dia, acompanhadas dos respectivos preços médios, volumes negociados e números de negócios.

Melhores Variações

FII Ticker Variação (%) Preço (R$) Montante (R$) Nº Negócios
Vila Olímpia Corporate VLOL11 2,56 58,06 319.667 36
Presidente Vargas PRSV11 2,43 533,01 99.672 23
Max Retail MAXR11B 2,30 1.086,53 39.115 10

Piores Variações

FII Ticker Variação (%) Preço (R$) Montante (R$) Nº Negócios
Square Faria Lima FLMA11 -1,01 1,96 9.713 12
CSHG Real Estate HGRE11 -1,12 1.309,27 544.655 41
CSHG Brasil Shopping HGBS11 -1,79 1.587,92 95.275 21

Pregão BM&FBOVESPA (FII) - 8/Set/15 - Liquidez

No pregão de 8 de setembro 74 diferentes cotas de Fundos de Investimento Imobiliário foram negociadas na BM&FBOVESPA. Foram 6.513 negócios que totalizaram R$ 19,2 milhões. A cota com maior montante negociado foi a do FII BB Progressivo II (BBPO11), com R$ 4,5 milhões. Já a cota com maior número de negócios foi a do FII Rio Negro (RNGO11), com 1.019 negócios.

FII Eldorado aprova retenção de reserva de contingência para cobrir ITBI

Veja abaixo esta e outras decisões tomadas no âmbito de assembleias de FII divulgadas entre 31 de agosto de 2015 e 04 de setembro de 2015. 

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

CVM absolve BTG em caso de falha informacional

A CVM julgou, em 1º de setembro de 2015, o Banco BTG Pactual S.A. e o BTG Pactual Serviços Financeiros S/A DTVM, além de seus respectivos diretores, por supostas omissões verificadas no prospecto definitivo da 4ª distribuição de cotas do FII BTG Pactual Fundo de Fundos. Segundo o órgão regulador, a instauração do processo teve origem em reclamações de dois cotistas do referido fundo, que não teriam conseguido exercer seu direito de preferência na subscrição de novas cotas. A área técnica da autarquia apurou que não constava do prospecto a informação de que os prazos para exercício do direito de preferência seguiam os procedimentos operacionais da BM&FBOVESPA, e que, em decorrência desses procedimentos, entre os dias 9 e 10/10/2012, o direito de preferência só poderia ser exercido por meio do escriturador. Assim, a omissão no prospecto do procedimento para o exercício do direito de preferência nos dias 9 e 10/10/2012 teria levado os reclamantes a erro e impossibilitado a subscrição de novas cotas emitidas pelo fundo de investimento, em infração considerada grave pela área. Contudo, o colegiado da CVM, acompanhando o voto do relator do processo, decidiu, por unanimidade, absolver todos os acusados das irregularidades que lhes foram imputadas. O relator concordara que a informação no prospecto não foi divulgada da forma mais adequada, mas que, com base no princípio da proporcionalidade que deve reger a atividade sancionadora da CVM, entendeu que a irregularidade apurada pela área técnica carece da reprovabilidade e da relevância indispensáveis para justificar a sujeição dos acusados às penalidades previstas na lei. Finalmente, o relator ressaltou que a apreciação de eventual dano sofrido pelo reclamante em decorrência da falha informacional deve ser analisada em sede de ação judicial indenizatória, e não no âmbito do referido processo, cujo objetivo consiste em analisar a violação de dispositivos regulamentares da ICVM 400.

Pregão BM&FBOVESPA (FII) - 4/Set/15 - Rentabilidade

No pregão de 4 de setembro 69 diferentes cotas de Fundos de Investimento Imobiliário foram negociadas na BM&FBOVESPA, das quais 22 apresentaram valorização de preço, 41 apresentaram desvalorização, 2 não tiveram alteração e 4 não haviam sido negociadas no pregão anterior. Segue as três melhores e as três piores variações de preço no dia, acompanhadas dos respectivos preços médios, volumes negociados e números de negócios.

Melhores Variações

FII Ticker Variação (%) Preço (R$) Montante (R$) Nº Negócios
Floripa Shopping FLRP11B 2,97 625,00 123.125 2
BM Brascan Lajes Corporativas BMLC11B 2,13 85,39 1.281 1
Kinea Rendimentos Imobiliários KNCR11 1,72 111,73 2.859.715 292

Piores Variações

FII Ticker Variação (%) Preço (R$) Montante (R$) Nº Negócios
Edifício Ourinvest EDFO11B -2,20 205,37 16.635 3
Edifício Galeria EDGA11B -2,31 68,14 191.894 61
Grand Plaza Shopping ABCP11 -2,84 9,91 1.190 4

Pregão BM&FBOVESPA (FII) - 4/Set/15 - Liquidez

No pregão de 4 de setembro 69 diferentes cotas de Fundos de Investimento Imobiliário foram negociadas na BM&FBOVESPA. Foram 2.871 negócios que totalizaram R$ 16,2 milhões. A cota com maior montante negociado foi a do FII Kinea Rendimentos Imobiliários (KNCR11), com R$ 2,9 milhões. Já a cota com maior número de negócios foi a do FII BB Progressivo II (BBPO11), com 526 negócios.

Pregão BM&FBOVESPA (FII) - 3/Set/15 - Rentabilidade

No pregão de 3 de setembro 79 diferentes cotas de Fundos de Investimento Imobiliário foram negociadas na BM&FBOVESPA, das quais 24 apresentaram valorização de preço, 46 apresentaram desvalorização, 2 não tiveram alteração e 7 não haviam sido negociadas no pregão anterior. Segue as três melhores e as três piores variações de preço no dia, acompanhadas dos respectivos preços médios, volumes negociados e números de negócios.

Melhores Variações

FII Ticker Variação (%) Preço (R$) Montante (R$) Nº Negócios
JHSF Rio Bravo Fazenda Boa Vista Capital Protegido RBBV11 21,82 76,14 16.827 7
Domo DOMC11 7,02 610,00 610 1
CSHG Logística HGLG11 1,68 1.081,65 148.186 17

Piores Variações

FII Ticker Variação (%) Preço (R$) Montante (R$) Nº Negócios
Caixa Cedae CXCE11B -1,66 1.770,06 30.091 5
CEO Cyrela Commercial Properties CEOC11B -2,16 42,52 263.682 61
Floripa Shopping FLRP11B -2,45 606,98 52.200 2
Rankings

Mais Recentes