Jornal

PL da Indústria de FIDC volta a registrar aumento de 2% mensal

O valor agregado de Patrimônio Líquido (PL) do setor de FIDC, que estava em R$ 50,12 bilhões em junho, encerrou o mês de julho com R$ 51,13 bilhões, o que constitui um crescimento de 2,0%, o mesmo ritmo registrado no mês anterior. No final de julho o setor era composto por 328 fundos, contra 322 em junho. No final do mês de dezembro de 2010 o valor total do PL era de R$ 43,77 bilhões e, portanto, ocorreu um crescimento de 16,8% desde então.

O valor agregado de Direitos Creditórios (DC), que estava em R$ 43,90 bilhões em junho, encerrou o mês de julho com R$ 44,17 bilhões, o que constitui um aumento de 0,6%. No final do mês de dezembro de 2010, o valor total de DC era de R$ 36,06 bilhões e, portanto, ocorreu um crescimento de 22,5% desde então.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

FIDC, focado nas oportunidades da Copa e das Olimpíadas, inverte os padrões

Como a Uqbar já indicou nos artigos “Credit Suisse, Santander e Caixa preparam mega FIDC”, de 17/09/2009, e “Um dos maiores FIDC ainda não adquiriu direitos creditórios”, de 28/07/2010, Fundos de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC) com vultuosos recursos para investir na área de infraestrutura não são necessariamente uma novidade. Contudo, uma nova operação pretende mostrar que a forma como este incentivo às indústrias de base é estruturado pode ser diferente.

A política de investimento do FIDC Vinci Crédito e Desenvolvimento I mostra seu compromisso com a promoção de crédito de longo prazo para as indústrias de base, entendendo por estas aquelas ligadas ao setor de óleo e gás, logística, transportes, energia, saneamento e comunicações. Também é expresso em seu regulamento e no prospecto, que acompanha a primeira oferta pública de cotas desse fundo, o interesse em contribuir para o legado associado aos eventos esportivos de grande porte que o Brasil receberá nos próximos anos, como a Copa do Mundo (2014) e as Olimpíadas (2016).

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Classificação - FIDC por Índices de Desempenho - Jul/2011

Seguindo a série mensal que analisa o setor de Fundos de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC), a Uqbar publica a classificação dos FIDC de maior PDD Normalizado (PDDn) e de maior e menor Variação de PDD Normalizada (?PDDn) no mês de Julho de 2011.

Como explicado no artigo “Classificação - FIDC por Índices de Desempenho - Jun/2011” de 22/07/2011, foi adicionada, nas tabelas relativas ao ?PDDn, uma coluna referente ao ?DC, a Variação Percentual de Direitos Creditórios. Por este índice entende-se o valor percentual da diferença do montante alocado em Direitos Creditórios (DC) no mês corrente e no mês anterior em relação ao montante de DC no mês anterior.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Três FII alcançam rentabilidade efetiva de mais de 50% nos últimos 12 meses

No período de doze meses finalizado em julho de 2011, três cotas de Fundo de Investimento Imobiliário (FII) apresentaram rentabilidade efetiva superior a 50,0%. A rentabilidade efetiva é equivalente à Taxa Interna de Retorno (TIR) do fluxo de caixa que considera os rendimentos distribuídos pelos fundos no período correspondente e os preços médios mensais, ponderados por montante negociado, das negociações das cotas no início e fim deste período (julho de 2010 e julho deste ano).

Dentre as cotas dos três fundos, a líder do ranking de rentabilidade efetiva anual, com 64,2%, foi a do FII Hotel Maxinvest. Apesar de sua rentabilidade efetiva mensal, relativa somente ao último mês, ter alcançado 5,0%, a rentabilidade efetiva anual da cota deste fundo apresentou queda em relação ao registrado no final do mês anterior, de 71,0%. Isto se deve ao fato de que a rentabilidade efetiva mensal no mês de julho de 2011 ter sido menor que a de julho de 2010, trazendo para baixo a rentabilidade efetiva anual (últimos doze meses).

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FII divulgadas entre 22/08/2011 e 26/08/2011

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FIIdivulgadas entre 22/08/2011 e 26/08/2011

AG de cotistas do FIITAG Industrial I(CNPJ:12.811.222/0001-73) realizada em 06/05/2011

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FIDC divulgadas entre 22/08/2011 e 26/08/2011

AGO de cotistas do FIDC Multissetorial Negocial MG(CNPJ:10.640.343/0001-74) realizada em 23/12/2010

Ordem do dia - Não especificada.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Com doze meses recém completos, FII assume liderança de distribuição.

Dentre os 31 fundos cujas cotas foram negociadas no último mês, um Fundo de Investimento Imobiliário (FII) chamou atenção ao aparecer pela primeira vez no ranking de dividend yield de doze meses e já na liderança. O cálculo do retorno estimado de doze meses dos rendimentos de um fundo (dividend yield de doze meses) leva em conta as distribuições mensais dos últimos doze meses e o preço médio da cota do fundo no mês presente, sendo que este último é calculado de forma ponderada por volume negociado.

Trata-se do FII RB Capital Agre, sua cota completou, no mês de julho, os primeiros doze meses negociados na BM&FBOVESPA, que se iniciaram em 05 de julho de 2010. O fundo alcançou a primeira colocação com um dividend yield de doze meses de 19,6%. Este fundo tem por objeto investir, indiretamente, em um portfólio diversificado de empreendimentos imobiliários residenciais predefinidos, localizados em diferentes regiões do Brasil.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Crédito Pessoa Jurídica e Recebíveis Educacionais tem queda nas provisões

No mês de julho deste ano, quase todas as categorias de ativo-lastro de Fundos de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC), cujo nível relativo de Provisão para Devedores Duvidosos (PDD) vem sendo acompanhado pela Uqbar, seguiram a tendência apresentada nos meses prévios de aumento mensal deste índice.

A Uqbar dá continuidade hoje à sua publicação mensal da classificação dos grupos consolidados de FIDC por ativo-lastro, usando como critério os mesmos índices construídos para classificar os FIDC individualmente, quais sejam, o PDDn, e a Variação de PDD Normalizada, ou ?PDDn (ver definição dos índices no artigo de 20/08/09 Classificação de Carteiras de FIDC por Índices de Desempenho).

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FII divulgadas entre 15/08/2011 e 19/08/2011

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FIIdivulgadas entre 15/08/2011 e 19/08/2011

AG de cotistas do FIICSHG Brasil(CNPJ:08.431.747/0001-06) realizada em 29/04/2011

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FIDC divulgadas entre 15/08/2011 e 19/08/2011

AG de cotistas do FIDC Root Capital Distressed Multicarteira NP (CNPJ:) realizada em 18/01/2011

Ordem do dia - Aprovar a constituição do Comitê de Investimento e a eleição de seus membros.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Rankings
fii
fidc
cri
cra
Mais Lidos