O advento do mercado de Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA), além de fomentar o aparecimento de securitizadoras do agronegócio, franqueou o acesso a mais um segmento do mercado de securitização por aquelas securitizadoras anteriormente dedicadas somente às operações do ramo imobiliário. Isto se exemplifica pelo crescente número de securitizadoras que, após alteração do respectivo estatuto social, incluíram em suas atividades a securitização de direitos creditórios do agronegócio. A mais recente securitizadora imobiliária a cruzar o campo foi a Brazilian Securities, que em outubro emitiu R$ 700,0 milhões em CRA.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Rankings
Mais Recentes
fii
fidc
cri