Em 2018, 152 Fundos de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC) entraram em operação, perfazendo, no encerramento do ano, um patrimônio líquido (PL) de R$ 13,02 bilhões. Dentro deste universo, foi a Socopa a empresa que mais se destacou na administração destes novos FIDC, levando-se em conta a quantidade e o valor total de PL associado a estes. Assim, a empresa se consagrou líder dos Rankings Uqbar de administradores de FIDC iniciados em 2018, tanto pelo quesito do PL total administrado quanto pelo de número de operações.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Rankings
Mais Lidos