Jornal

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FIDC divulgadas entre 26/03/2012 e 30/03/2012

AG de cotistas do FIDC Multicrédito I (CNPJ:07.670.637/0001-34), realizada em 28/02/2012

Ordem do dia - (I) Deliberar sobre as contas do fundo, relativas ao encerramento do exercício social em 31/10/2011, e as demonstrações financeiras do fundo; e (II) Ratificar a decisão sobre a suspensão da aquisição de novos direitos creditórios.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Mercado de FIDC: queda ou expansão?

Recentemente foi noticiado por alguns participantes da mídia que o montante emitido em 2011 de cotas de Fundos de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC) havia retraído em relação a 2010. Isto seria verdade se consideradas somente as emissões das cotas que foram objeto de ofertas públicas. Em 2011 este montante foi de R$ 6,30 bilhões, representando uma queda de 17,7% se comparado ao ano de 2010, cujo valor tinha sido de R$ 7,66 bilhões.

Entretanto, é essencial ressaltar que os valores acima referem-se apenas às emissões ofertadas publicamente que se enquadram na Instrução nº 400 da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Através de uma análise mais ampla, englobando também as emissões que obtiveram dispensa de registro (ICVM 400) ou que foram distribuídas com esforços restritos, de acordo com a Instrução nº 476 da CVM, pode-se afirmar que o mercado de FIDC está em expansão, dado que o montante total emitido de cotas de FIDC em 2011 foi 59,7% superior ao referente ao ano anterior (R$ 36,52 bilhões agora versus R$ 22,87 em 2010).

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Seis fundos têm rentabilidade efetiva superior a 10,0% no primeiro bimestre de 2012

O primeiro bimestre de 2012 começou bem para seis Fundos de Investimento Imobiliário (FII) que auferiram rentabilidade efetiva superior a 10,0%. O setor de FII, representado pelo conjunto de fundos negociados no mercado secundário, seguiu avançando e atingiu nos primeiros dois meses do ano uma rentabilidade efetiva média linear de suas cotas de 3,8%, superior à taxa DI calculada pela CETIP que foi de 1,6% no mesmo período.

A rentabilidade efetiva é calculada utilizando-se a Taxa Interna de Retorno (TIR) do fluxo de caixa que leva em conta as amortizações e os rendimentos distribuídos pelos fundos e os preços médios mensais de suas cotas ponderados por montante negociado. O cálculo da média linear mencionada acima considerou 53 fundos dentre os 54 que tiveram suas cotas negociadas em fevereiro de 2011 e dezembro de 2010. Desta análise foi excluído o FII REP 1 CCS (RCCS11) pois, no período, este fundo apresentou um volume irrisório de negócios (R$ 13.318,72) e uma alta rentabilidade efetiva (85,4%).

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FII divulgadas entre 19/03/2012 e 23/03/2012

AGE de cotistas do FII Brazilian Capital Real Estate Fund I (CNPJ:02.276.964/0001-31) realizada em 12/03/2012

Ordem do dia - Deliberar sobre: (I) a ratificação da contratação da Brazilian Capital Companhia de Gestão de Investimentos Imobiliários como consultora de investimentos do fundo na hipótese de alteração de seu controle para o Banco BTG Pactual S.A. nos termos do fato relevante divulgado em 01/02/2012 pela Brazilian Finance & Real Estate S.A.; e (II) a alteração do regulamento do fundo para incluir a opção de negociação de cotas através do mercado organizado CETIP, não excluindo a opção de negociação no ambiente da BM&FBOVESPA.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FIDC divulgadas entre 19/03/2012 e 23/03/2012

AG de cotistas do FIDC Ourinvest Financeiros Suppliercard (CNPJ:08.692.888/0001-82) realizada em 05/03/2012

Ordem do dia - Deliberar sobre a prorrogação do prêmio de remuneração de 4,0% da taxa DI conferido aos cotistas sênior.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Bradesco e Paulista repetem liderança nos rankings de custódia de FIDC em 2011

Novamente os bancos Bradesco e Paulista lideraram os rankings de custodiantes de ativos de Fundos de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC). O Bradesco manteve-se em primeiro nos rankings anual e consolidado que usam como critério o montante de PL enquanto que o Paulista liderou os rankingsque consideram o números de fundos que entraram em operação no ano, e em funcionamento em 31 de dezembro de 2011.

Dentre os 89 fundos que iniciaram atividades em 2011, 18 têm seus ativos custodiados no Bradesco, estes somavam no último dia do ano um PL de R$ 11,6 bilhões, ou 64,2% do total. Estes novos fundos fizeram que o banco não só liderasse mas também aumentasse sua participação no ranking consolidado de PL, que foi de 26,7% para 39,8%.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Fevereiro tem leve avanço em valorização de preço de cotas de FII

Dando continuidade ao movimento de alta, que ocorreu em janeiro, nos preços negociados de cotas de Fundos de Investimento Imobiliário (FII) no mercado secundário da BMF&BOVESPA, o mês de fevereiro também registrou tendência ascendente. A média linear de valorização de preço de cota, entre os FII negociados no mercado secundário, que tinha fechado janeiro em 1,2%, subiu mais um pouco no mês seguinte, encerrando o primeiro bimestre de 2012 em 1,8%. Como de praxe, para evitar distorções causadas por baixa liquidez, os preços de cotas considerados são preços médios mensais ponderados por montante negociado.

A média linear calculada considerou 53 fundos dentre os 54 que tiveram suas cotas negociadas em dezembro de 2011 e fevereiro de 2012, tendo sido excluído o FII REP 1 CCS (RCCS11), que apresentou um montante irrisório negociado, de apenas R$ 13.318,72. Caso fosse feito um filtro de nível de liquidez e fosse considerado apenas os FII que apresentaram um montante negociado médio mensal superior a R$ 100 mil e uma quantidade média mensal de negócios superior a dez durante o período, a valorização média das cotas no bimestre teria sido de 2,0% para os 48 FII que se enquadrariam acima destes limites inferiores de liquidez. Se considerássemos apenas os dez fundos mais negociados no período em termos de volume, a valorização média teria sido de 3,5%, indicando uma correlação positiva entre o nível de liquidez e a variação de preços de cotas.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FII divulgadas entre 12/03/2012 e 16/03/2012

AGE de cotistas do FII Property Invest (CNPJ:02.276.964/0001-31) realizada em 01/03/2012

Ordem do dia - Deliberar sobre: (i) a amortização parcial de cotas do fundo, no valor de até R$ 3,0 milhões, com a distribuição de tal montante aos cotistas, na proporção de suas cotas subscritas e integralizadas; e (ii) a antecipação da distribuição dos resultados no valor de até R$ 1,0 milhão auferidos aos cotistas do fundo, na proporção de suas respectivas cotas, referente ao mês de janeiro de 2012.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Resumo das atas de assembleias de cotistas de FIDC divulgadas entre 12/03/2012 e 16/03/2012

AG de cotistas do FIDC Max Multissetorial (CNPJ:12.809.994/0001-70) realizada em 02/03/2012

Ordem do dia - Deliberar sobre a emissão da 2ª série de cotas do fundo.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Estoque de CCI tem forte alta e ultrapassa os R$ 40 bilhões

Refletindo toda a força do mercado em expansão associado ao setor imobiliário e aos seus títulos correlatos como o Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI), o mercado de Cédulas de Crédito Imobiliário (CCI) também cresceu vigorosamente no último ano. O estoque de CCI na CETIP cresceu de R$ 12,70 bilhões no final de 2009, para R$ 24,29 bilhões em 2010, e atingiu, em dezembro de 2011, o valor recorde de R$ 43,79 bilhões.

O mercado de CCI, principal título adquirido pelas Securitizadoras Imobiliárias, acompanhou o movimento de crescimento do mercado de CRI. O montante anual de depósitos destes títulos na CETIP, depois de quase ter dobrado de tamanho em 2010, tendo passado de R$ 6,79 bilhões em 2009 para R$ 11,94 bilhões, alcançou a marca dos R$ 22,16 bilhões em 2011.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Rankings
fii
fidc
cri
cra
Mais Recentes
fii