MALL11 e VSHO11 divulgam atualizações sobre processo de abertura de seus shopping centers

A atualização de informações a respeito do funcionamento de shopping centers ao redor do país se tornou algo comum no mercado de FII. Não é de se espantar, já que este tipo de empreendimento é um dos preferidos dos gestores de FII na hora de compor suas carteiras, sendo o nicho de fundos que investe preponderantemente neste tipo ativo um dos mais representativos da indústria de FII como um todo. Continuar trazendo tais informações é importante, e, neste sentido, destaca-se que o mercado agora tem acesso a novas atualizações sobre o funcionamento de shoppings dos FII Malls Brasil Plural (MALL11) e Votorantim Shopping (VSHO11).

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Rentabilidade de FII atravessa picos e vales em 2020

A rentabilidade efetiva dos Fundos de Investimento Imobiliário (FII) negociados no âmbito da B3 atingiu valor negativo no acumulado entre dezembro de 2019 e maio de 2020. Dentre as subcategorias dos FII de Imóveis, se destaca, negativamente, a de FII que investem em Shopping Centers, que reúne o segundo maior número de fundos do mercado. Por outro lado, a categoria de fundos que investem em CRI registrou a menor rentabilidade negativa.  

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Mais dois shopping centers do VISC11 voltam a operar

Na última semana foi relatado aqui no TLON o conteúdo de um comunicado ao mercado com informações sobre a reabertura de um dos shoppings do portfólio do FII Vinci Shopping Centers (VISC11). Nesta segunda-feira, a ação se repetiu, com a administradora e a gestora do fundo, BRL Trust e Vinci, respectivamente, divulgando um novo comunicado em relação a outros dois shoppings da carteira do fundo.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

CSHG Renda Urbana é um dos FII mais negociados em maio

O mês de maio de 2020 marcou uma nova redução no montante e no número de negócios com cotas de FII na B3. Embora registre um crescimento de mais de 50,0% em relação ao mesmo mês de 2019, na evolução mensal de 2020 maio alcançou o patamar mais baixo. Nesse cenário, os FII CSH Renda Urbana (HGRU11) e Maxi Renda (MXRF11) foram os mais negociados no mês, sob a perspectiva do montante negociado e do número de negócios, respectivamente. 

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Shopping do portfólio do VISC11 reabre

A situação problemática pela qual passam os shopping centers ao redor do país e como isso afeta as operações de finanças estruturadas tem sido tema recente no TLON. Isso decorre do fato de que muitas operações, seja no mercado de CRI, FII, e até mesmo de FIDC, são estruturadas com base nos recebíveis originados no dia a dia destes empreendimentos. Hoje, porém, veio à tona um caso no qual os cotistas de um FII de shopping obtiveram boas notícias, do ponto de vista, exclusivamente, dos investimentos realizados pelo fundo.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Saída de locatária terá impacto de 8% em receita de FII

Hoje, dia 25 de maio, o mercado de FII tomou conhecimento sobre novos desdobramentos de uma relação conflituosa entre os cotistas do FII Campus Faria Lima (FCFL11) e a empresa Allpark Empreendimentos, Participações e Serviços. A empresa é locatária do fundo e é responsável pela operação do estacionamento do INSPER - Instituto de Ensino e Pesquisa Instituto de Ensino e Pesquisa, cujo campus está localizado na Faria Lima.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Informadas alterações no fluxo de recebimento do SPTW11

Nos últimos dias, por meio de Fato Relevante, a Genial Investimentos e a BRPP Gestão de Produtos Estruturados, administradora e gestora, respectivamente, do FII SP Downtown (SPTW11), trouxeram para o conhecimento do mercado algumas medidas tomadas em relação à gestão de imóveis do fundo. Tais medidas gerarão alterações nos fluxos de recebimento do fundo.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

FII acumulam queda de 18,7% em 2020

O mercado secundário de cotas de Fundos de Investimento Imobiliário (FII), negociadas no âmbito da B3, encerrou abril com variação média¹ de preço assinalando -18,7% no ano. Na análise feita para se chegar a esse número foram consideradas 151 cotas de FII. Demonstrando que a variação negativa se estendeu por todo o mercado, nenhuma cota registrou variação positiva no período.  

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Negócios de FII se reduzem pela metade em abril

No mês de abril a liquidez do mercado secundário de cotas de FII encolheu. Na comparação com março, o montante negociado em abril se reduziu pela metade. Ao mesmo tempo, o número de negócios encontrou, em abril, seu patamar mais baixo desde outubro de 2019.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

FII tomam medidas para suavizar dificuldades de seus locatários

Com o decorrer da pandemia de COVID-19 que assola os mercados financeiro e imobiliário, é natural que os agentes destes mercados comecem a tomar providências. No mercado de FII, por exemplo, já são alguns casos de prestadores de serviço de fundos comunicando algumas medidas tomadas em relação aos seus ativos.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Rankings

Mais Recentes