Jornal

FIDC de energia sustentável colhe os frutos da diversificação de sua carteira

Nos últimos tempos, muito tem se falado sobre a necessidade de aprimorar as cadeias produtivas da economia mundial com o incremento de novos pilares, principalmente levando-se em consideração aspectos socioambientais. No mercado de securitização o tema ganha cada vez mais relevância, ainda mais agora em que os CRA verdes já são uma realidade. Porém, é possível observar operações que foram estruturadas com esses princípios já há alguns anos, como é o caso do FIDC Vinci Energia Sustentável.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Interação entre o mercado de securitização e o mercado de seguros é um caminho natural

Durante esta semana foram publicados aqui no TLON artigos que pretendiam recordar, ao menos que em partes, o conteúdo presente nos inúmeros debates que se sucederam no Uqbar Day. De forma a finalizar esta série de textos e tornar o exercício mais completo, chegou a hora de abordar tanto os temas discutidos com a Superintendência de Seguros Privados (SUSEP), no Café Uqbariano e na Sessão Uqbar, quanto os temas discutidos nas sessões organizadas por alguns dos facilitadores do evento, ainda não abarcados até então.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Agronegócio e mercado de capitais precisam dialogar mais; inovações recentes podem acelerar processo

Após a interação dos mercados imobiliário e de securitização ter sido abordada ontem aqui no TLON de forma contextualizada com o que se viu de discussões sobre o assunto no Uqbar Day, é chegada a hora de recordar alguns dos momentos do evento onde se discutiu a respeito do setor produtivo que é possivelmente o mais importante de toda a economia brasileira: o agronegócio.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Mesmo com inovações regulatórias, securitização imobiliária ainda tem longo caminho a percorrer

Dando prosseguimento à série de artigos que visam revisitar o conteúdo dos inúmeros debates ocorridos no Uqbar Day, chegou o momento de relembrar o que foi tratado em relação ao tema "Imobiliário". Bom, nessa altura do campeonato o leitor do TLON certamente já percebeu que o mercado imobiliário e o mercado de securitização possuem um grande potencial de dialogarem e de se desenvolverem de forma conjunta. Inclusive, a confluência entre os dois é capaz de, em partes, solucionar um dos principais gargalos socioeconômicos brasileiros: o déficit habitacional.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Mercado de FIDC passa por uma revolução silenciosa

Sem sombra de dúvida, o FIDC é o veículo de securitização mais popular do Brasil. Como não poderia deixar de ser, esse assunto permeou diversos painéis e sessões do Uqbar Day. Desde o seu papel macroeconômico até ferramentas e serviços que existem para otimizar e digitalizar a operação de um FIDC, passando pela nova regulação que se avizinha, vários foram os tópicos discutidos no evento.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Transformação digital é crucial para o desenvolvimento do mercado de crédito

A semana passada foi marcada pela realização do Uqbar Day, o maior evento online de securitização do Brasil. Foram dois dias de excelentes discussões técnicas sobre os principais assuntos do momento no universo da securitização, segmentados de acordo com os seguintes macrotemas: Transformação Digital, Agronegócio, Imobiliário e FIDC. Apesar do Uqbar Day já ter ocorrido, vale a pena relembrar o conteúdo dos inúmeros debates que se sucederam. Neste primeiro artigo, será abordada a discussão sobre Transformação Digital.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Liquidez dos FII em 2020 deixa 2019 comendo poeira

Setembro de 2020 foi o quarto mês seguido em que o montante negociado em cotas de FII na B3 superou a marca dos R$ 4,00 bilhões. Essa uniformidade pavimentou o caminho para que, na consolidação anual para 2020, o montante negociado já atingisse o recorde histórico desse indicador. Em paralelo, o número de negócios em setembro assinalou o segundo maior patamar histórico em termos mensais.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

ALZR11 fará operação de Sale & Leaseback com a DASA

Ontem, dia 30 de setembro, ao final do dia, o mercado obteve a informação de um novo movimento de aquisição de ativos do FII Alianza Trust Renda Imobiliária (ALZR11). Isso porque o BTG Pactual e a Alianza, administrador e gestor do fundo, respectivamente, divulgaram um fato relevante informando sobre a celebração de dois compromissos de venda e compra de imóvel, com a Dasa Real Estate Empreendimentos Imobiliários e com a Diagnósticos da América (DASA), objetivando a aquisição de dois edifícios comerciais localizados na cidade de São Paulo.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

S&P atribui classificação de risco às novas cotas do FIDC Credz

Um dos segmentos que cada vez mais chama atenção dentro do mercado de FIDC é aquele formado pelos fundos que adquirem direitos creditórios originados em alguma das várias etapas do fluxo financeiro das estruturas dos arranjos de pagamentos. Esse crescimento de atratividade por parte do mercado é natural, dado que o próprio segmento de meios de pagamento como um todo apresenta consistente evolução, envolvendo cada vez mais tecnologia e trazendo mais inovações aos participantes do arranjo. Um exemplo é o FIDC Credz.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Moody's classifica cotas de FIDC da Braskem

Ontem, dia 22 de setembro, a Moody's divulgou um comunicado informando o mercado sobre a atribuição da classificação de risco de cotas do FIDC Chemical IX Indústria Petroquimica. As cotas objeto da avaliação foram as cotas sênior, que receberam a nota 'Aaa', e as cotas mezanino, que receberam a nota 'Ba1'.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Rankings
fii
fidc
cri
cra
Mais Recentes
cri