Jornal

Mercado de fundos pode se beneficiar de convênio entre CVM e Receita Federal

Na última segunda-feira, dia 20 de julho, a CVM divulgou uma boa notícia para o mercado de fundos de investimento em geral: a assinatura de um convênio entre a autarquia e a Receita Federal. As ações que serão possíveis com esse convênio se juntam a outras inovações regulatórias recentes que tendem a fazer com que o registro destes veículos se torne mais ágil e eficiente.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Qualidade de crédito da Inbrands piora e leva Fitch a rebaixar CRI

Assim como ocorreu nas últimas semanas, mais um caso de operação de CRI cujo cedente é um FII está em evidência. Entretanto, isso ocorre não por um bom motivo, mas sim pela decisão da agência de classificação de risco Fitch de rebaixar a nota do título de 'CC' para 'C'.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Criada a alienação fiduciária de imóvel compartilhada

Embora a economia já esteja dando alguns passos iniciais rumo à normalidade, ainda são inúmeras as pessoas e empresas que enfrentam um cenário bastante desafiador, com risco real de falência. Neste sentido, foi publicada a MP 992/2020 ao fim da semana passada, planejando um maior acesso de crédito a microempresas e empresas de pequeno e de médio porte. Do ponto de vista do mercado de securitização, uma inovação trazida pelo texto da MP acabou chamando mais atenção do que a nova linha de crédito em si: a alienação fiduciária de imóvel compartilhada.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

FIDC de fluxo futuro é impactado pela qualidade creditícia de Pernambuco

Apesar de já existirem boas notícias do ponto de vista econômico em relação à volta das atividades de determinados setores, ainda são inúmeros os casos de agentes econômicos com dificuldades financeiras, que, por estarem inseridos em uma economia interligada, acabam gerando danos em uma escala maior. O FIDC Companhia Pernambucana de Saneamento - Compesa exemplifica esse problema.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Com nova emissão da Marfrig, mercado de CRA chega a R$ 6 bi no ano; títulos IPCA dominam mercado em 2020

Se encerrou nesta semana a oferta pública da série única da 11ª emissão de CRA da RB Capital Companhia Securitizadora, que tem como devedora a empresa Marfrig, uma das companhias líderes na produção de carne bovina no mundo. Agora o mercado de CRA ultrapassa o montante de R$ 6,00 bilhões em emissões consolidadas no ano de 2020. Diferentemente do que ocorreu em anos anteriores, o mercado observa uma forte predominância das emissões indexadas ao IPCA este ano.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

EcoSec se destaca no primeiro semestre do mercado de CRA

Dada a intensidade com a qual a nova crise atingiu diversos setores da economia brasileira, é natural que houvesse uma expectativa de que o mercado de finanças estruturadas, e o de capitais como um todo, também sofresse consequências negativas. No entanto, uma análise dos Rankings Uqbar de securitizadoras do agronegócio sugere que pelo menos para o mercado de CRA essa dinâmica parece não ter ocorrido de maneira tão agressiva.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Bari emite mais de R$ 200 mi em CRI lastreado em aluguéis

Há pouco tempo o TLON abordou a relação entre os mercados de CRI e FII, utilizando para tal o caso do FII BRL VI e da ISEC Securitizadora, onde o fundo cedeu créditos para a securitizadora estruturar um CRI. Nos últimos dias foi possível observar mais um caso onde essa dinâmica se repetiu, desta vez envolvendo o FII TRX Real Estate II (TRXB11) e a Bari Securitizadora. Trata-se da 82ª série da 1ª emissão da securitizadora, em montante de R$ 216,4 milhões.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

FII firma acordo para compra de galpão em MG

O mercado de FII vem dando sinais de que está iniciando a retomada de seu ritmo natural. Exemplos disso são os episódios de reabertura de shopping centers presentes nas carteiras de determinados FII, já relatados aqui no TLON. Agora, há no mercado um movimento do FII Bluecap Renda Logística (BLCP11) para angariar recursos visando a concretização de uma aquisição para sua carteira.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Maioria dos FIDC ainda coloca em risco rentabilidade de cotista sênior em caso de reversão de PDD

Em um contexto de incerteza econômica, os mecanismos de proteção do patrimônio dos investidores, especialmente dos detentores de cotas de classe sênior de FIDC torna-se ainda mais relevante. Por isso, causa surpresa que boa parcela dos FIDC estreantes em 2020 tenha vindo ao mercado adotando um modelo de valorização de cotas claramente defasado.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Rankings de agências têm poucas alterações na liderança em 2020

No início da semana o TLON publicou uma análise sobre o primeiro semestre das classificações de risco nos mercados de CRA, CRI e FIDC, focando nos dados a respeito das atribuições, elevações e rebaixamentos concedidos pelas agências no período. Agora, o foco passa a ser as agências em si, abordando o que aconteceu até agora no ano com o ranking de agências de classificação de risco para cada um destes mercados.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Rankings
fii
fidc
cri
cra
Mais Recentes
fii