Jornal

Em novo movimento, Hedge tenta assumir gestão do GWIR11

A Hedge Investments Real Estate Gestão de Recursos, através de três dos fundos sob sua gestão, apresentou pedido de convocação de assembleia geral de cotistas do FII GWI Renda Imobiliária (GWIR11). A destituição do consultor imobiliário do GWIR11 e a assunção, pela Hedge, da administração e da gestão do fundo constarão na ordem do dia.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

BRL Trust assume gestão do FII OAR

Veja abaixo o resumo das atas publicadas na CVM entre 03 e 06 de setembro de 2018.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Cedente não deposita recursos suficientes para resgate de CRI

No artigo que trata das assembleias de investidores de CRI publicado no TLON em 05 de setembro é narrada a reunião de investidores da 4ª e 5ª série da 1ª emissão de CRI da Brasil Plural Securitizadora ocorrida em 29 de agosto. Suspensa e reaberta em 31 de agosto de 2018, a assembleia deliberou pela aceitação da proposta feita pela cedente para o resgate dos CRI.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Nova locação faz fundo de logística zerar vacância

A Rio Bravo Investimentos, administrador do FII SDI Rio Bravo Renda Logística (SDIL11), em conjunto com as gestoras do fundo, Rio Bravo Investimentos e SDI Gestão e Consultoria de Investimentos, divulgaram fato relevante para informar sobre novo contrato de locação celebrado que fará o imóvel do fundo atingir os 100% de ocupação.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Reavaliação incrementa valor de imóvel em quase R$ 10,0 milhões

A CM Capital Markets, administrador do FII REAG Renda Imobiliária (DOMC11), divulgou fato relevante para informar o mercado sobre a reavaliação do principal ativo do fundo: o empreendimento denominado “Domo Corporate”, localizado em São Bernardo do Campo-SP.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Titulares de CRI contratam empresa para valuation de ações da KPFR

Veja abaixo o resumo de decisões tomadas no âmbito de assembleias de CRI divulgadas na CVM entre 27 e 31 de agosto de 2018.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

Vert-Fintech e Vert-Nexoos são registradas na CVM

Em 28 de agosto foram registradas na CVM duas novas companhias securitizadoras de créditos financeiros, a Vert-Fintech e a Vert-Nexoos. Ambas as companhias captarão recursos por meio da emissão de debêntures simples e pretendem adquirir direitos creditórios de operações ativas vinculadas a empréstimos originados por meio de plataforma eletrônica. No caso da Vert-Nexoos a companhia ainda especifica que a plataforma eletrônica originadora dos empréstimos é a fintech Nexoos.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

XPML11 confirma oferta restrita e incrementa FII de shoppings diversificados

Através de Fato Relevante, o BTG Pactual, administrador do FII XP Malls (XPML11), informou que o período de exercício do direito de preferência relativo à oferta pública de distribuição com esforços restritos de novas cotas do fundo terá início em 11 de setembro de 2018. Adicionalmente, também foi informado que em 03 de setembro ocorreu a substituição da gestora do fundo, que passou a ser a XP Vista Asset Management. Esses dois fatos se enquadram em um movimento maior do XPML11, caracterizado pela aquisição de participações em cinco shoppings, confirmando o fundo da XP no seleto grupo de FII de Shopping Centers diversificados.

Para continuar lendo, faça o seu login ou assine TLON.

FII aprovam aquisições de imóveis que somam mais de R$ 12 milhões

Veja abaixo o resumo das atas publicadas na CVM entre 27 e 31 de agosto de 2018.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Província altera estatuto social para emitir outros valores mobiliários

A Companhia Província de Securitização de Créditos Imobiliários divulgou Fato Relevante para informar que assembleia de acionistas da companhia deliberou por alterar a denominação social da empresa para Companhia Província de Securitização. Isso, por sua vez, reflete uma nova orientação da securitizadora, que já emitiu pouco mais de R$ 70,0 milhões em cinco operações de CRI desde 2009.

Para continuar lendo, faça o seu login ou cadastre-se.

Rankings
fii
fidc
cri
cra
Mais Lidos